Publicidade
Toque de Alerta - toquedealerta.com.br
RODOVIAS
Terça - 14 de Junho de 2016 às 12:35

    Imprimir


Foto: Gcom-MT
O governador Pedro Taques garantiu a liberação de R$ 300 milhões para seguir com as obras de pavimentação no estado, dentro do programa Pró-Estradas. O valor obtido junto ao Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico Social (BNDES) foi resultado da articulação feita pelo chefe do Executivo Estadual, juntamente com o secretário de Estado de Infraestrutura e Logística, Marcelo Duarte, em Brasília (DF).

“Esta é a segunda parcela liberada por meio deste financiamento nesta gestão. No ano passado, recebemos R$ 223 milhões que foram aplicados em estradas, via antigo MT Integrado, um dos braços do atual Pró-Estradas. Agora, conseguimos uma operação de crédito maior de R$ 300 milhões, o que demonstra que a Sinfra tem cumprido rigorosamente as exigências do BNDES e, com isso, estamos avançando nas obras”, avaliou Marcelo Duarte.

Os recursos adquiridos vão impulsionar a continuidade do Pró-Estradas, especificamente o eixo responsável pela construção de novas rodovias. As obras seguem em diversas regiões do estado, interligando municípios com ao menos uma via pavimentada.

Obras do Pró-Estradas

Dentro do maior programa de pavimentação de estradas de Mato Grosso, as obras seguem a todo vapor. A exemplo disso, a Sinfra trabalha na MT-220, em um longo trecho entre Sinop e Juara, onde foram reconstruídos 51 km que estavam repletos de buracos, e também pavimentou mais 35 km.

São diversas pavimentações, como a da rodovia MT-430 na região de Santa Cruz do Xingu, onde foram construídos 27 km no ano passado, a MT-208, no município de Nova Monte Verde, que recebeu 22 km de asfalto novo, e a rodovia MT-020, trecho entre Paranatinga e Canarana, que completou 24 km com nova massa asfáltica.

Primeiros resultados

Logo no primeiro ano de gestão, o Governo de Mato Grosso concluiu 554 km de asfalto novo, entre construção e reconstrução. O secretário revelou que, para este ano, só em pavimentação serão executados mais 300 km de novas estradas.

"Apesar da crise, nosso governo mostra credibilidade para obter os recursos, além de capacidade para alcançar seus objetivos e entregar obras de qualidade para o cidadão", afirmou o secretário de Infraestrutura e Logística.

Fethab revigorado

Apesar da crise econômica, o Estado tem feito um planejamento estratégico com investimentos de diversas fontes. Marcelo Duarte citou que o Conselho Diretor do Fundo Estadual de Transporte e Habitação (Fethab) aprovou, na semana passada, mais R$ 100 milhões em obras até o final de 2016. O montante deste Fethab Regional é resultado da cobrança adicional que irá incidir sobre as commodities (soja, boi em pé e algodão), já a partir do dia 1º de julho.

Só com a atual cobrança, o Governo Estado espera arrecadar R$ 350 milhões em 2016. Somando aos valores adicionais que vão incidir sobre as commodities, o investimento chegará a R$ 450 milhões no ano.

“Os valores do Fethab Regional serão utilizados na reconstrução de rodovias importantes do estado, como a MT-100 e a MT-246, que estavam necessitando de investimentos emergenciais. Com a entrada dos valores, conseguiremos assegurar a trafegabilidade em diversas rodovias que estão com pavimento degradado”, comentou.

Frentes de trabalho

O Pró-Estradas está dividido em três áreas de atuação: construção de rodovias, reconstrução – com qualidade – do asfalto deteriorado e manutenção das rodovias com excesso de buracos e falta de sinalização.

Atualmente, o Governo do Estado possui, só na Sinfra, mais de 130 frentes de trabalho abertas em diversas regiões. São obras de construção (pavimentação) de novas estradas, reconstrução de rodovias que estavam com o tráfego comprometido, as manutenções, que são recuperações emergenciais do pavimento (tapa-buraco), e os Termos de Cooperação Técnica (TCTs) firmados com os municípios, no intuito de melhorar as estradas dentro dos limites municipais.

 





URL Fonte: http://toquedealerta.com.br/noticia/1325/visualizar/