Publicidade
Toque de Alerta - toquedealerta.com.br
GERAL
Quinta - 14 de Março de 2019 às 23:21

    Imprimir


Foto: Ligiani Silveira - CGE/MT

Como parte da programação comemorativa ao Dia do Ouvidor, a Controladoria Geral do Estado (CGE-MT) realiza, nesta sexta-feira (15), às 9 horas, na Praça Alencastro, o lançamento do Ouv-Zap, mais um canal de atendimento da Rede de Ouvidoras do Poder Executivo Estadual.

Significa que a Ouvidoria do Estado passará a contar com o aplicativo WhatsApp para o recebimento de denúncias, reclamações, sugestões e elogios. O novo canal de comunicação funcionará pelo número (65) 98476-6548.

Além disso, no período das 9h às 11h, um total de 15 ouvidores setoriais estarão apostos no local para entregar à população panfletos de divulgação do novo canal de contato e das outras formas de acesso à Ouvidoria do Estado, como uma forma de fomentar o controle social na gestão do Governo de Mato Grosso.

Na ocasião, também serão distribuídas mudas de plantas, em parceria com a Secretaria de Estado de Meio Ambiente (Sema).

Programação

Responsável pela coordenação técnica da Rede de Ouvidorias do Poder Executivo Estadual, a CGE preparou uma série de atividades neste mês em alusão ao Dia do Ouvidor, celebrado oficialmente no dia 16 de março.

A programação começou dia 1º de março, com a realização de capacitação aos ouvidores setoriais sobre a aplicação da Lei de Acesso à Informação e o papel da Ouvidoria como comunicação institucional no Poder Executivo Estadual.

Outra ação, executada nos dias 11 e 12 de março, foi uma capacitação voltada aos ouvidores das secretarias e instituições que participam do programa REM (REDD+ para pioneiros), projeto que premia países e estados pioneiros no combate ao desmatamento na Amazônia. A capacitação foi desenvolvida em parceria com a Sema e a Cooperação Técnica Alemã GIZ.

Para melhor recebimento das demandas, a programação incluiu workshop sobre ouvidoria e mediação, além de palestras sobre temas específicos da pauta como, Mudanças Climáticas, Salvaguardas do REDD+ e esclarecimento de dúvidas sobre o programa REM.





URL Fonte: http://toquedealerta.com.br/noticia/37980/visualizar/