Publicado em Quinta - 13 de Dezembro de 2018

O Celeste Libertador não pode ser aprisionado

Quantos já alcançaram que um pensador libertário como Jesus não pode ficar aprisionado entre quatro paredes de um templo, por mais respeitável que seja, ou ter Sua mensagem reduzida por analistas que, por mais veneráveis que se apresentem, por vezes, confundem “germano com gênero humano”?


Leia mais...

A Hidrocefalia do Idoso tem cura?

Publicado em Quinta - 13 de Dezembro de 2018

Leia mais...

Cuiabá fecha parcerias com italianos

Publicado em Quinta - 13 de Dezembro de 2018

Tudo que está a nossa volta, todo o ambiente e todas as vozes a favor e contra o nosso querer, exerce influências incontroláveis sobre os nossos atos.

A vida nos foi oferecida gratuitamente, por isso temos que aproveitar cada segundo, preenchendo cada vazio com atos edificantes na forma de aprendizado e com muito entusiasmo apaixonadamente oferecidos pelas emoções que os relacionamentos nos edificam.

Leia mais...

Taxação e industrialização da produção

Publicado em Quinta - 13 de Dezembro de 2018

Mato Grosso adotou um modelo de desenvolvimento econômico centralizador de renda, que não beneficia a todos. Esse modelo baseado na produção agrícola primária voltada para a exportação, as chamadas commodities, gera alguns poucos grandes beneficiários e promove a desigualdade entre as pessoas e entre as regiões.

Essa distorção precisa ser equacionada. Não se trata de criminalizar as grandes fortunas, tampouco ignorar a contribuição do agronegócio para o desenvolvimento de Mato Grosso, porém, o Estado deve ser capaz de estimular e induzir um modelo de desenvolvimento com menos desigualdades e com mais emprego e renda para todos.

Leia mais...

A queima dos arquivos de Zumbi

Publicado em Quinta - 13 de Dezembro de 2018

Um dos episódios mais controversos da história do Brasil é imputado a Rui Barbosa, teria ocorrido entre os anos de 1892 e 1893, e refere-se a uma queima de documentos fiscais que estavam em poder das exatorias do Ministério da Fazenda, cujos conteúdos mantinham relações com os registros de negócios de tráfico e comercialização de pessoas escravizadas no Brasil.

Há quem diga que o episódio tinha por finalidade simplesmente destruir documentos de propriedade produzidos pela burguesia escravocrata, por exemplo os contratos de compra e venda de seres humanos escravizados, outros contratos e negócios tendo esses mesmos seres humanos como garantia, além de hipotecas e similares. Entre os defensores desta vertente está Francisco de Assis Barbosa, coautor do livro “Rui Barbosa e a queima de arquivos”, escrito em 1988.

Leia mais...

Teto Racional: 01 Salário Mínimo, por dia!

Publicado em Segunda - 03 de Dezembro de 2018

“Brasil, mostra a sua cara! Quero ver quem paga, pra gente ficar assim...”

Na quarta feira (07/11/18), o Senado Federal por 41 votos a favor, votou o reajuste salarial de 16,38%, para os 11 ministros do STF e para o Procurador Geral da República, elevando o teto constitucional de R$ 33,7 (trinta e três mil e setecentos reais) para R$39,2 (trinta e nove mil e duzentos reais). Se Cazuza ainda estivesse em nosso meio, talvez questionasse a respeito desta fatura, por intermédio de uma canção que entoou sua voz indagante, por três décadas. Pausa...

Leia mais...

Morte é utopia

Publicado em Segunda - 03 de Dezembro de 2018

Na história do Antigo Egito, com suas surpreendentes, para os estudiosos de hoje, construções piramidais, observamos muitos indícios da crença na Vida Eterna.

Em Brasília/DF, Brasil, o Templo da Boa Vontade (TBV), a Pirâmide das Almas Benditas, dos Espíritos Luminosos, é um avanço nessa direção. Um dos maiores diferenciais está em sua universalidade. Há milhares de anos, as pirâmides, digamos assim, com seu simbolismo de existência perene, eram privilégio destinado a poucos. Já a mensagem do TBV, com o Ecumenismo Total, abriga a Humanidade da Terra e do Céu da Terra. O culto à morte, característica do passado distante, deu lugar à dinâmica da vida em plenitude.

Leia mais...

A internet e os riscos de comprar imóvel sem o auxílio de um corretor de imoveis

Publicado em Segunda - 03 de Dezembro de 2018

À algum tempo tentamos nos adaptar aos inúmeros aparatos, "oportunidades ou facilidades" apresentadas pela internet e redes sociais. Nesse verdadeiro turbilhão de informações estão no centro das atenções o COMPRADOR, o VENDEDOR e o CORRETOR. Desses personagens que atuam na oferta e procura de produtos imobiliários indiscutivelmente o profissional corretor de imóveis está muito mais preparado a fazer filtros de busca e pesquisas de oportunidades realmente seguras, tanto do ponto de vista legal, bem como do comercial. Só que isso nem sempre é compreendido pelo comprador e pelo vendedor. Essa incompreensão se estende também a algumas poucas construtoras que pensam em ter menos custos financeiros nas transações imobiliárias evitando ou diminuindo os honorários pagos ao corretor ou a imobiliária.

Leia mais...

Fim de um Governo

Publicado em Segunda - 03 de Dezembro de 2018

Constitucionalmente, o atual governo se encerra em 31 de dezembro de 2018, alguns até dirão que o fim da administração deste governo chegará com a posse do novo governador no dia 01 de janeiro de 2019.

A verdade é que o governo só termina quando o mandatário máximo do estado puder olhar no rosto de toda a população, e não ter a vergonha de pedir desculpas pelos erros cometidos, pelas obras inacabadas, pela falta de serviços essências na saúde, na segurança pública e no sistema educacional.


Leia mais...

Conferência do clima 2018

Publicado em Segunda - 03 de Dezembro de 2018

Na próxima semana, no dia 03 de dezembro de 2018 terá inicio, na cidade de Katowice, na Polônia, mais uma conferência do clima, a chamada COP 24, que se estenderá até dia 14 do mesmo mês, quando estarão presentes chefes de Estados, de Governos, ministros, cientistas, ambientalistas e milhares de pessoas que estão realmente preocupadas com a questão das mudanças climáticas e suas consequências sociais, econômicas e naturais em nosso planeta.

A COP (Conferência das Partes) é a instância máxima da ONU no contexto das articulações da Convenção do Clima (UNFCCC) e foi criada/aprovado em maio de 1992, na conferência da terra, a ECO 92, realizada no Rio de Janeiro e, desde 1995, se reúne anualmente para realizar um balanço das ações de combate `as mudancas climáticas , do aquecimento global e suas consequências sobre a vida no planeta.

Leia mais...